Quarta, 06 Dezembro 2017 09:42

Doar sangue, o ato mais nobre entre as coisas que faço

Sou doador habitual, de três em três meses disponibilizo a quantidade máxima permitida, 470 ml, por vez e a ideia que faço sobre doar sangue, é que Deus me deu um corpo físico capaz disto. Após uma bateria de perguntas e exames, fui aprovado a ajudar um irmão que em caso inverso ao meu, precisa deste precioso líquido.

Em tempo: o Hemocentro, vou sempre a Goiânia fazer isto, me fornece um laudo completo sobre o sangue que doei. Ou seja, acompanho gratuitamente, a qualidade do meu sangue, de três em três meses.

No Brasil, desde 1900. Sabe-se apenas que os médicos Brandão Filho e Armando Aguinaga foram os pioneiros nesta prática, no Rio de Janeiro, e que umas das primeiras experiências aconteceu por volta de 1900, em Salvador (Bahia) quando o professor de Clínica Médica, Garcez Fróes, usando um aparelho improvisado por ele, transfundiu 129 ml de sangue do doador João Cassiano Saraiva, servente do hospital, em uma paciente operada de pólipo uterino.

Para fechar o artigo, promover a excelente ação da Prefeitura de Trindade, gestão do prefeito Jânio Darrot (PSDB), Secretaria Municipal de Saúde, comando da Gercilene Ferreira, trazendo o Hemocentro para a cidade e possibilitando, facilitando esta nobre prática.

Serviço:
Hemocentro em Trindade
Pátio da Secretaria Municipal de Saúde – VNS Perpétuo Socorro
Dia 8 de dezembro, a partir das 8 horas

Imprensa – Prefeitura de Trindade
Fábio PH – Arte Natã Carvalho

© 2017 - Prefeitura Municipal de Trindade - GO - Todos os direitos reservados.